quinta-feira, 3 de maio de 2018

Agora, que andam aí uns esquerdalhistas apostados em apagar o passado...

... deve relembrar-se algo de essencial:"Tudo aquilo que entrou na História não pode apagar-se".
 Ah, mas foi Mussolini quem o disse! então é dever de todo o humanista apagar a sentença acerca do apagamento.

2 comentários:

  1. E se for preciso ainda têm a lata de dizer que não estão a apagar nada, estão apenas a reinterpretar a História, libertando-a do viés da mundivisão ocidental ou outra treta do género... afinal, se até mesmo a Lógica é uma construção patriarcal heteronormativa do homem branco, como é que a História não o há-de ser?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. São os artistas da interpretação. Interpretação, entenda-sem nada de dogmas que eles não são disso. Só a Igreja e os fassistas é que são dogmáticos, eles só propõem interpretações.

      Eliminar